domingo, 31 de julho de 2016

Já sentiram que têm que voltar ao ginásio, no entanto têm preguiça, mas ao mesmo tempo querem voltar?
Eu estou nessa situação.
E depois também não me decido se devo ir à tarde ou de manha. Eu gosto de ir de manha, o problema são as horas. Á tarde não gosto muito não sei porquê. 
O engraçado é que supostamente emagreci durante as férias, o que eu acho muito estranho, porque pronto sempre comi mais porcaria do que como habitualmente.
Outra coisa engraçada é que eu falo que quero ir me embora do Algarve e de Famões, porém depois quando chego a casa, sinto saudades e penso que não me importava de lá estar mais tempo. É estranho. Ao menos na quarta devo ir à praia. Vamos ver.
Agora estou a ouvir uma musica que ouvia numa certa altura da minha vida, o que me faz me lembrar esse tempo, que eu não queria recordar. É tudo um pouco vago. Eu sei que não sou a única, certas musicas fazem nos lembrar o nosso passado. Associa mos àquele tempo as musicas. 
O nosso cérebro...Jesus Cristo. 
*Beijinhos da Invisível*

sábado, 23 de julho de 2016

Pokémon Go

apple


Olá mirrors tudo bem?
Já sabem pelo o titulo do que eu venho falar. Este assunto está no ar e eu resolvi escrever sobre ele, apesar de não fazer muito o meu género. Queria escrever sobre outro assunto, mas não sei qual. A inspiração vai se embora agora quando entro no blog.
Devem saber que o Pokémon Go é uma aplicação de um jogo que se tornou viral , para os telemóveis que ultrapassou o twitter na aplicação mais utilizada, estando o twitter em primeiro lugar, já à alguns anos. Também ultrapassou a pesquisa habitual dos utilizadores da internet que é o sexo. Inacreditável? Não é?
Agora vamos à minha opinião. Eu soube da existência do Pokémon Go umas horas antes de ver centenas de twittes sobre este jogo, senão me engano. Também oiço as noticias e para mim a única coisa boa é que faz as pessoas sair de casa. No entanto sou contra a 100% a este jogo. São imagens criadas pelo o telemóvel como em todos os jogos, para além de ser um vicio para as pessoas que o usam.
Existem outras maneiras de as pessoas se movimentarem, de conviverem, de aproveitar a vida e certamente não é atrás de um ecrã de telemóvel.
Só sei que quem inventa estas coisas recebe bastante dinheiro e depois o povo é que é prejudicado.
Eu não gosto muito de jogos para ser sincera, mas de vez em quando até posso tentar jogar algo. Fico contente por ser assim, ao menos não me vicio em nenhum jogo.
Prefiro e gosto muito mais de jogar o jogo do disco que é o meu preferido, na vida real e não num instrumento electrónico, ou uma ida ao bowlling com alguém que eu goste, do que ficar a jogar num computador ou num telemóvel. É muito mais divertido e melhor para nós pessoas.
Hoje foi isto.
*Beijinhos da Invisível*

terça-feira, 19 de julho de 2016

Merdas...


girl

Vocês sabem o que é sentirem se um lixo? 
Sabem o que é sentirem se uma mera distracção para as pessoas, quando não têm nada para fazer? Sabem o que é se considerarem se estúpidos por fazerem certas coisas, pelas as pessoas, mas depois continuam a fazer porque gostam das pessoas?
 Sabem o que sentirem que não têm ninguém?
Fazemos coisas, sujeitamos nos , porque temos medo de perder as pessoas. Temos medo de ficar sozinhos. Não é por estares rodeado de pessoas, que tens alguém. Podes ter 100 pessoas que conheces e nenhuma delas quer saber realmente de ti. No entanto podes só ter uma pessoa que goste realmente de ti ,que te ajude e que não te faça mal. Aí não estas sozinho. Estás é muito bem acompanhado.
Tenho dito.

*Beijinhos da Invisível*

sábado, 16 de julho de 2016

Tenho pena...

Não tenho escrito no blogue, porque para ser sincera não me tem apetecido. Ultimamente não me tem apetecido escrever nada na verdade.
Vou fazer um desabafo.
Já tenho o meu blog não sei se é à dois anos e o blogue, infelizmente não tem progredido. O numero de seguidores é mínimo. Se eu precisar de ajuda e perguntar, sei que ninguém me responde. Fico muito triste, uma vez que tento postar textos interessantes e que não passe assim muito tempo e não vale de nada. Eu comecei aqui no blog porque que queria escrever e é isso que eu quero, no entanto fico triste porque o blog não cresce como outros blogs. Não sei o que mais fazer. Não conheço bloguers o que também não ajuda nada. Estou a falar disto pessoalmente.
Não posso fazer nada.
Mas pronto foi isto.

sexta-feira, 1 de julho de 2016

light


-Hoje é o 1º dia da tua vida e o último. Tens 24 horas para provar que mereces uma nova oportunidade.
-Porquê?
-Para dares valor, a cada segundo já que noutras circunstancias não dás.
-Mas disseste que é o meu primeiro dia e último...
-Nesta vida sim. Mas também disse que poderás ter outra oportunidade. Sempre foste muito materialista, nunca deste valor a nada sem ser aos materiais. Tiveste momentos inesquecíveis com pessoas que só queriam o teu bem e nunca lhes deste valor. Resumindo nunca deste valor ao que tinhas na tua vida, portanto nunca a conseguiste viver em pleno. Eu quero que mudes. 
- Pois! E se eu não quiser mudar? Pela descrição que fizeste não valo nada. Sou um ser humano e isso basta.
- O que queres dizer com isso? Que todos os seres humanos são bestas?
-Sim!
- Porquê que dizes isso?
- Porque nos prejudicamos uns aos outros, nunca estamos felizes com nada, fazemos mal aos animais, à nossa casa que é o planeta terra, somos movidos pelo o dinheiro e não pelo o amor, como deveria de ser.
- Muitos são assim. Mas tu tens consciência disso tudo, por isso é que te estou a dar uma segunda oportunidade. Muitos não são assim, como descreves.
- Pois! Mas eu sou assim e não consigo mudar porque eu só quero dinheiro. Mais nada.
-Então não queres viver mais é isso?
-Sim!
- Pedido concedido! No final do dia vais adormecer e nunca mais vais voltar acordar.
Tentarias mudar? Ou desistias?